domingo, 9 de maio de 2010

Só para dizer algo

Hoje me sinto a pior representação do que realmente sou. Estou como um rascunho: riscado, semiapagado, jogado ao lado, sem sentido. E assim me despeço deste domingo. Tão vazio, tão instrospectivo, que me engolfou com sua fome de se transformar numa segunda-feira. E eu digo tchau a ele. Aceno meio triste. Mais um dia que se passou. Amanhã, não sei se o sol surge ou se o dia estará nublado. Será segunda-feira.

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Muito bom texto! O eu lírico bastante "desmontado" num sentimento que o faz finito, como um fim de um domingo! Ótimo!

    ResponderExcluir